12/10/16

Galaxy Note 7 morreu e a Samsung vai aumentar a produção do Galaxy S7 e S7 Edge

Galaxy Note 7

 morreu o polémico Phablet da Samsung, a empresa para compensar vai aumentar a produção do Galaxy S7 e S7 Edge 


Samsung finalmente declarou a morte do Galaxy Note 7 ontem terça-feira (11/10), depois de episódios de explosões envolvendo seu mais recente phablet topo de gama. O equipamento que passou por um recall recentemente, não foi capaz  de resistir aos novos problemas surgidos nos novos equipamentos sem a suposta bateria "explosiva", um problema que manchou gravemente esta linha de smartphones da empresa.

Este fiasco que foi o do Galaxy Note 7 custará aos cofres da Samsung um prejuízo  que rondará os  17 bilhões de dólares , e a empresa esta a tentar usar o Galaxy S7 para amortecer este imenso prejuízo até o final do ano. Segundo o site Korea Herald, a Samsung já solicitou aos seus fornecedores uma  quantidade mais elevada de componentes para ampliar a produção de ambos os modelos Galaxy S7. 
 
 Ainda o site adianta que, agora que o Galaxy Note 7 foi tirado de circulação,  a Samsung precisa investir em um flagship para aumentar as vendas até o final do ano, fim do ano que é justamente as que mais lucro geram ás fabricantes de smartphones. A empresa vai investir em marketing para tentar conquistar os consumidores que ainda não adquiriram o Galaxy S7.

Faltam já poucos meses para o anunciado lançamento do Galaxy S8, que a Samsung até já marcou a data de apresentação. Assim sendo, todos aqueles que poderiam até ter interesse no Galaxy S7 podem acabar por esperar pelo lançamento do próximo flagship da Samsung que está a prometer trazer grandes mudanças j+a vistas na gama Galaxy S.

Samsung ainda têm a intenção de ampliar a produção de smartphones mais baratos, como é o caso do Galaxy A8, tentando por todos os meios reverter o prejuízo causado pelo Galaxy Note 7. Os bons lucros no último relatório apresentado, não deverão repetir-se no quarto trimestre do ano com este fiasco. Certamente a Samsung até lá, vai apostar forte no marketing do S7 para assim tentar limpar a imagem da linha Galaxy.



PARTILHAR ISTO

Comentar no Facebook

0 comentários: